Fátima diz que novelas precisam ter beijos gay infantil para combater o preconceito Um tema sempre em voga nos dias de hoje

Um tema polêmico foi abordado no programa encontro na rede Globo de televisão mais dessa vez a questão foi as crianças transgênero. “ Crianças que não se identificam com o sexo que nascem”

Foi convidado para falar do assunto o psiquiatra Alex Sedha que é o coordenador do ambulatório de identidade de gêneros e orientação sexual.

FÁTIMA NÃO SE CONTEVE E COMENTOU SOBRE OS COMENTÁRIOS MALDOSOS QUE O PROGRAMA TEM RECEBIDO POR TRATAR TEMAS COMO ESSE

O mesmo fez questão de ressaltar que não tem nada de errado com as crianças que desde cedo acreditam ter

Nascido no corpo errado” e contou que em meio aos seus pacientes tem meninos e meninas de 3 e 4 anos de idade.

Ele ressaltou ainda que o ambulatório não faz intervenção e que lá cada um pode ser o que quiser ser “ Pois crianças não tem preconceito”

Para ele o gênero é uma questão de construção social e disse que o papel deles é acompanhar o caso até a Puberdade, antes de ocorrer o tratamento hormonal que gera a mudança radical no corpo.

A apresentadora Fátima Bernardes alegou que ainda existe muito preconceito na sociedade por falta de informação

Na questão, por isso ela estava apoiando uma “ Campanha de aceitação e respeito”

Já vimos que o país aceitou de forma positiva as várias cenas e roteiros gay adulto, na emissora. A próxima meta é atingir o público adolescente e infantil.

Eles também precisam ter sua identidade sexual representada e aceita na TV. Assim serão mais aceitos na sociedade.

A próxima novela já está escalando atores pensando nisso, ressaltou Fatima.

O programa contou com a participação da mãe de uma menina de 10 anos chamada Isa que nasceu menino mais nunca se identificou com o gênero do seu nascimento.

Que apoiada pelo ambulatório do HC assumiu a identidade de menina e trocou até mesmo o seu nome.

Em seguida foi mostrado o caso de Renata, um adulto transexual que recebeu todo apoio da família para assumir suas verdadeiras condições aos 13 anos.

No palco estava o ator Ricardo Tozzi que acredita que isso seja uma questão espiritual.

No entanto com este tema abordado o programa tentou trazer a toma uma questão positiva sobre o assunto Complexo, mostrando que ele deve ser enfrentado com naturalidade.

Fátima não se conteve e comentou sobre os comentários maldosos que o programa tem recebido por tratar temas como esse.

Mais não há o que se falar em relação ao programa Encontro que atinge 10 no ibope.

Portal G1 - Pensa Brasil

 

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *