Igreja Batista da Ponte

A Igreja Batista da Ponte é uma igreja única, ao mesmo tempo em que somos tradicionais na interpretações da palavra de Deus, somos modernos e contemporâneos, pois estamos atentos ao mundo em que vivemos e à realidade em que estamos imersos. Excluir e condenar não faz parte de nossas práticas. Não estamos interessados em membros que veem aos cultos de domingo, e vivem suas vidas sem a presença de Deus, queremos formar discípulos e seguidores de Jesus Cristo. Pessoas que vivem Deus em suas vidas e que sejam agentes de milagres na vida de todos à sua volta.

NADA vai te impedir de fazer parte de nossa Igreja, você pode ter sua própria denominação e ainda assim ser um Discípulo, pois a Igreja da Ponte não fará nada em sua vida, mas queremos ser a Ponte entre Jesus Cristo e seu coração.

Muitas pessoas se sentem julgadas quando visitam outras igrejas de outras denominações, pois as pessoas ali são, às vezes, ensinadas que a denominação X é menos fiel que a Y, ou que a W não é cristã, ou que a denominação Z é macumbeira. Na Igreja Discipular da Ponte - IDP acreditamos que somos todos filhos de um único Pai e que fomos salvos por um único Deus. Assim, se você é Testemunha de Jeová e sente um chamado de visitar ou conhecer outra denominação, a Ponte lhe aceita sem tentar te provar nada diferente de sua fé, assim Batistas, Quadrangulares, Universais, Católicos, Kardecistas, Renascer, Umabandistas todos são bem-vindos. O mesmo acontece com classes social, sexo, ocupação ou orientação sexual, assim, se você for profissional do sexo, homoafetivo, classe E, D, C, B ou A, você é bem vindo. Não fomos nós que pagamos o preço na cruz para aceitar ou recusar, criticar ou ofender qualquer pessoa. Jesus Cristo, senhor é que é o responsável por qualquer obra em sua vida, isto se ele achar necessário. Você NUNCA vai ouvir da boca de um de nossos Discípulos   que você está errado, ou está em pecado. Este trabalho é de Jesus, estamos no Século 21, Jesus é o mesmo ontem, hoje e sempre, mas ele mais do que qualquer um sabe o que operar em cada vida neste mundo em que vivemos.

Se você crê em re-incarnação, deidades (imagens), Nossa Senhora, Orixás, ou qualquer outra coisa nós te aceitamos e como dito antes não vamos querer te mudar. O Apostolo Paulo, antes Saulo de Tarso, era um perseguidor de cristãos, e por mais que tentassem converte-lo ele nunca aceitava, mas quando Jesus achou oportuno Ele apareceu para Saulo e lhe falou diretamente. Nada é por força ou violência, mas por amor.

Durante nossas reuniões, ou cultos, vamos conhecer a Bíblia como ela é, analisando-a sob uma óptica de fé, mas sem abandonar nosso discernimento e critica. Você vai ser mais do que um membro, você será um Discípulo direto de Jesus, Ele e mais ninguém conhece seu coração.